3° Parte: 10 dias com a família – Viajar de Motorhome para Sedona e Page, AZ | Por Gabriel Aquino

0 28

Está é a 3° parte do meu relato sobre viajar de motorhome para Sedona e Page, no Arizona – EUA. Visitamos a cidade das pedras e nos aventuramos em um dos canyons mais bonitos da região. .

Adianto uma coisa já… a neve não deu trégua em momento algum. 😰

 

Caindo na estrada de motorhome sentido a Sedona, AZ

Seguimos a estrada com nosso motorhome até Sedona… Estávamos em nosso quarto dia de viagem de motorhome e notamos que a estrada começou a ficar estreita até ter apenas faixas de mão duplas no final da tarde. Tudo passou a ficar mais bonito e radical ao avistarmos um vale com paredões de arenito avermelhados.

As subidas e descidas com curvas fechadas e placas de 20 mph, 15 mph e até 10 mph. É nessa hora que você testa a paciência, gentileza e destreza de um motorista de motorhome novato.

  • Paciência: Menos velocidade em uma pista sem pontos e ultrapassagem significa filas de carros atrás de você. Havia momentos em que estávamos no início da fila, nenhum veículo mais lento que a gente e uma galera atrás a perder de vista.
  • Gentileza: Você é o mais lento da turma e encontra um recuo na pista; então vale dar uma encostada e deixar a galera da fila passar você – alguns agradecem, outros nem tanto.
  • Destreza: O motorhome é um veículo largo e longo, que em uma estrada sem acostamento cabe apenas ele. Então, você não deve se arriscar a correr e deve observar bem a traseira na hora das curvas para não arrastar nas extremidades ou até se chocar com outros carros.

Passamos ilesos pela estrada até Sedona e finalmente chegamos ao Rancho Sedona RV Park. Já passavam das 5:00 pm e nos deparamos com a recepção fechada com um quadro de avisos informando a quantidade de vagas disponíveis e os procedimentos para marcá-las. Poderíamos estacionar o motorhome e o pagamento seria feito apenas no dia seguinte.

 

Chegamos à cidade das pedras… hora do descanso

Casinha conectada com o full hookup e noite de luar surgindo… tudo perfeito para aproveitarmos a noite com uma janta gostosa. Foi também a primeira vez que usamos os chuveiros e sanitários do RV Park, que eram bem limpos e com água quente. Além disso, aproveitamos para usarmos a lavandeira – o que foi bem divertido para a nossa filha que adora coisas do tipo “Faça você mesmo”.

Compramos sabão e amaciante na maquininha, trocamos as roupas da lavadora para a secadora e depois dobramos tudo para voltarmos para o motorhome. Aproveitamos o momento para um bom descanso, pois no dia seguinte iríamos fazer um passeio pela cidade astral de Sedona.

No dia seguinte resolvemos nossas contas na recepção do RV Park e decidimos por ficar mais uma noite no local. Depois disso, saímos para aproveitar nosso passeio pela cidade.

 

Nosso passeio pela cidade alto astral de Sedona, AZ

Percebemos que Sedona tem uma energia tão boa! As lojas lojinhas vendem cristais, gemas e tratamentos esotéricos, como a foto da sua aura e outras coisas bem legais. Observamos as rochas vermelhas da paisagem, que indicavam o óxido ferroso – muitas pessoas acreditam gerar um campo magnético ou vortex na região.

Há muita cultura e diversas galerias pela cidade de Sedona, como esculturas, quadros e paisagismo nos jardins. Soubemos que a região recebe um milhão de turistas a mais que o Grand Canyon. Acredito que deve ser por este desenvolvimento turístico que um lugar tão pequeno faz com que as coisas sejam caras. Dos locais que passamos foi a primeira cidade que visitamos que tinha parquímetro na rua.

É possível fazer de tudo um pouco em Sedona, como praticar Hiking, pedalar ou andar de jipe pelas trilhas de pedra ou até mesmo alugar seu ATV (All Terrain Vehicle) para se aventurar.

Como não queríamos gastar muito e o nosso plano era conhecer lugares em apenas um dia, decidimos fazer um passeio pelo Bus Tour da Trolley Sedona. São dois passeios que duram uma hora cada um e fazem pelo menos três paradas. O mais legal desse passeio – para um dia de frio a temperaturas de 3° C e com vento – é que o ônibus é fechado. Tem até cobertores e o motorista narra tudo com muito bom humor. 💗

Queríamos ter feito as trilhas, mas como saímos tarde do RV Park e passeamos durante à tarde com o Trolley, não daria tempo.

 

Dicas de motorhome na cidade de Sedona, Arizona

No final do dia fizemos compras de pão e leite no Safeway – é o tipo de Walmart das cidadezinhas – e nos aventuramos a dirigir o motorhome por Sedona já à noite. As ruas são menos largas comparadas às quais já havíamos passado em Flagstaff e Williams.

Uma dica para quem vai de motorhome para Sedona é que não há locais para estacionar nas ruas e nas atrações principais há placas que proíbem expressamente a parada destes. Portanto, se quiser curtir a cidade, vale deixar a casa no RV Park e gastar um pouco mais com o aluguel de carro.

Aqui vai um artigo com dicas sobre como alugar carro nos EUA.

 

Rumo a Page na estrada mais reta da nossa viagem

Vimos na noite anterior uma previsão de neve para o dia seguinte. Não queríamos pegar estrada com o tempo assim, então decidimos seguir para o próximo destino um pouco mais cedo. A próxima parada era na cidade de Page, ao norte do Arizona – quase na divisa Utah -, em uma viagem de 254 km em uma estrada reta e sem nada ao redor após Flagstaff.

Após a longa viagem chegamos a Page e seguimos direto para o Lake Powell Campground, um camping bem ao lado da cidade. Tínhamos disponível full hookups, hot tubs e piscinas cobertas, banheiros, lavanderia e até gás propano para encher o motorhome. Isso era perfeito!

Decidimos não perder muito tempo e já saímos em busca da nossa primeira aventura: o Horseshoe Bend, um canyon incrível em formato de ferradura sobre o rio Colorado, que atrai diversos turistas e fotógrafos.

 

Uma aventura inesquecível no canyon Horseshoe Bend

O canyon Horseshoe Bend local fica no meio da estrada próximo a Page e há estacionamento gratuito. Estava cheio de carros, ônibus e motorhomes, mas foi fácil estacionar.  

Seguimos uma trilha de 800 m e começamos a ver muita gente à beira do canyon. É impressionante como um lugar tão isolado atrai tantas pessoas. Fugimos dos spots comuns onde algumas pessoas estavam tirando fotos sentadas com as pernas balançando à beira do precipício ou mesmo em pé. A galera não tinha medo mesmo mas nós… ficamos um pouco. 😶

Ficamos deitados nós três à beira da gigantesca curva do rio e tiramos fotos maneiras.

Devido à grande visitação no local parece que estão desenvolvendo o lugar e havia uma parte em obras para fazer muretas de contenção. Além disso, uma trilha mais segura para ter uma visão mais segura da paisagem. Uma dica: se forem visitar o local com crianças, sugerimos ficar bem ligados, pois não há proteção e o abismo é bem alto mesmo!

É um destino bem rápido de chegar; e de sair também… gastamos pouco mais de uma hora lá.

 

A neve cancelou nossa aventura no Lower Antelope Canyon

Depois do passeio pelo Horseshoe Bend fomos procurar agendar nossa próxima aventura para o dia seguinte: o Lower Antelope Canyon. Tentamos pela Antelope Canyon Tour, mas nos informaram que tinham vagas disponíveis apenas para outra semana. Na mesma galeria encontramos outras empresas que prestam o mesmo serviço.

Conseguimos, então, agendar com a Dixie para as 8:45 da manhã; portanto, teríamos que chegar às 8:15 no local de parte, que era no meio do nada. 😨

Acordamos bem cedo em Page e adivinha… neve no deserto! As estradas estavam escorregadias e estávamos com receio de sair para o passeio no Antelope Canyon. Vimos que muitos carros passavam tranquilamente na estrada, então decidimos ir ao ponto de encontro.

Chegando lá um índio Navajo estava na portaria da área da reserva e nos informou que o passeio havia sido cancelado devido ao tempo. Antelope Canyon estava cheio de neve, frio, escuro e escorregadio. A experiência não seria a que esperávamos.

Passamos na Dixie para confirmar o cancelamento.

É chegada a hora de partimos em direção à entrada leste do Zion National Park!

[…] CONTINUA […]

Parte 04: Viagem de Motorhome ao Zion National Park

A 170 km de Page, ainda orando para que a estrada até lá não estivesse coberta de neve…  

 

– – – – – – – – – – –

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos ou mande novas sugestões, pois ficaremos felizes em escrever novos conteúdos para você.

Siga-nos nas redes sociais. 😉



🎟 Compre sua viagem e seus tickets com uma agência especializada

Passagem aérea ▸ Ticket dos Parques ▸ Aluguel de Carro ▸ Seguro viagem

Virazóm Viagens (VMZ viagens)
Tel.: (16) 3623-7111
cdc@vmzviagens.com.br

Quem participa do nosso grupo no Facebook,
tem preços e condições especiais com a Vmz. Aproveite!

Comentários
Carregando...